terça-feira, 17 de abril de 2018

TECNOLOGIA: Aplicativo do Detran de SP possibilita transferência de multa por selfie

Foto: Reprodução do aplicativo do Detrn.SP, com ícone que permite transferência de multas
Novidade dispensa apresentação de documentos, e deve agilizar procedimento
O problema não é novo e, no caso de São Paulo, dependendo do órgão que gerou a multa, o procedimento é diferente. Sim, porque a multa pode ser de emitida por um agente municipal (no caso da capital, pela CET), pelo DER (no caso de estradas paulistas), e pelo Detran.
No estado de São Paulo, o Detran.SP responde pela minoria das multas. Estima-se que menos de 10% das infrações sejam registradas pelo órgão, que é responsável apenas por multas aplicadas em decorrência de autuações feitas pela Polícia Militar no perímetro urbano.
Para as multas de responsabilidade do Detran.SP o órgão traz uma boa novidade. Diferentemente dos outros organismos, onde o dono do veículo precisa preencher papéis e, em alguns casos, enviar documentos pelos correios para indicar o motorista infrator, para o Detran paulista basta usar um aplicativo de celular.
Pelo app do Detran paulista, já em funcionamento com outras funcionalidades, basta ao motorista apenas uma selfie e a assinatura na tela do celular.
detran_app.pngPASSOS
Com o aplicativo do Detran.SP baixado no celular – disponível para Android e iOS –, o proprietário do veículo precisa, antes, se cadastrar no portal do departamento.
Para indicar o verdadeiro infrator, quando este não for o dono do veículo, é só usar o aplicativo na opção “indicação de condutor” e selecionar a infração.
Maxwell Vieira, diretor-presidente do Detran, explica que Detran já tem todas as informações colhidas quando o motorista tira a habilitação, “com isso a selfie e a assinatura já bastam para confrontar com o banco de dados. Não precisamos de documentos, a ideia é desburocratizar nossos procedimentos”.
O procedimento é simples e rápido: basta conferir os dados do veículo e da infração. Após essa fase, o dono do carro se identifica por meio de uma selfie, assinando na tela do celular. O passo seguinte é identificar o condutor que vai receber a multa, preenchendo seu CPF, número de sua habilitação e, claro, postando uma selfie e a assinatura desse motorista.
Após tudo enviado pelo app, o Detran.SP vai analisar a solicitação, e o status do pedido pode ser acompanhado pelo aplicativo ou pelo portal do órgão.
No total, o Detran paulista contabiliza mais de 130 mil infrações todos os meses, e os pedidos de transferência de multa chegam a 5.500 por mês, em média. Destes, cerca de 3.500 são aceitos. O principal motivo de recusa é falta de documento e erro no preenchimento do formulário, coisas que o aplicativo ajudará a corrigir.
MULTAS DO TRÂNSITO
Infrações mais comuns, como estacionamento irregular, avanço de sinal vermelho, excesso de velocidade, circulação de outros veículos em corredores exclusivos de ônibus e bicicletas e desrespeito ao rodízio (no caso da capital), são sempre registradas pelos órgãos de trânsito municipais.
Ou seja, na cidade de São Paulo, esses tipos de infrações são fiscalizadas pela Companhia de Engenharia de Tráfego (CET) em nome do Departamento de Operação do Sistema Viário (DSV).
Nas estradas, as multas, em geral, são aplicadas pela Polícia Rodoviária Federal (PRF) e pelo Departamento de Estradas de Rodagem (DER).
Fonte: DIÁRIO DO TRANSPORTE , por: Alexandre Pelegi, jornalista especializado em transportes

EMTU/SP participa da Campanha do Agasalho com pontos de arrecadação em quatro regiões metropolitanas

Resultado de imagem para campanha do agasalho 2018 emtuCom o slogan "É tempo de doar!", a Campanha do Agasalho 2018 já começou no sistema de ônibus metropolitano do Estado de São Paulo. E para receber o maior número de doações possíveis de roupas e cobertores a EMTU instalou 49 postos de coleta em quatro regiões metropolitanas, incluindo unidades administrativas da EMTU (reservadas apenas para doações de colaboradores), garagens das empresas operadoras e terminais. 

A iniciativa de ajudar a quem mais precisa de calor no inverno é do Fundo Social de Solidariedade do Estado de São Paulo (FUSSESP) em parceria com as Secretarias de Estado, autarquias, iniciativa privada e sociedade civil – além da participação especial da Turma da Mônica, que estará presente em todas as peças de comunicação da campanha deste ano.
Todas as doações depositadas nos pontos disponibilizados pela EMTU serão destinadas a entidades assistenciais e Fundos Sociais de cada cidade.
Para mais informações sobre a Campanha do Agasalho 2018, acesse o site www.campanhadoagasalho.sp.gov.br ou ligue (11) 2588-5781 / (11) 2588-5912.
Confira os pontos de coleta oferecidos pela EMTU, abertos ao público, nas quatro regiões metropolitanas:
RMSP
Terminal Metropolitano Jabaquara - EMTU
Avenida Engenheiro Armando de Arruda Pereira - Jabaquara
(entre a Rua dos Comerciários e a Rua Nelson Fernandes)
São Paulo - SP
CEP 04308-000
Terminal Metropolitano Ferrazópolis
Rua Pedro Henry, n.º 250 - Vila Olga - São Bernardo do Campo/SP
CEP 09720-240
Terminal Metropolitano Diadema
Avenida Conceição, 7.000 - Parque Mamede – Diadema/SP
CEP 09920-000
Terminal Metropolitano São Mateus
Avenida Adélia Chohfi, 100 - Jardim Vera Cruz - São Paulo/SP
CEP 08320-390
Terminal Metropolitano São Bernardo do Campo
Rua Domingo Ballotin, s/n – Centro - São Bernardo do Campo/SP
CEP 09720-035
Terminal Metropolitano Piraporinha
Avenida Piraporinha, 1.956 – Piraporinha – Diadema/SP
CEP 09950-000
Terminal Metropolitano Sônia Maria
Rua Ataulfo Alves, s/n - Jardim Sônia Maria – Mauá/SP
CEP 09380-340
Terminal Metropolitano Santo André Leste
Rua Itambé s/n – Centro - Santo André/SP
CEP 09015-300
Terminal Metropolitano Santo André Oeste
Rua Visconde de Taunay, s/n – Centro - Santo André/SP
CEP 09210-570
Capes São Paulo – Jabaquara
Avenida Eng. Armando de Arruda Pereira, 2645 - Jabaquara, São Paulo/SP, 04308-001 
Terminal Metropolitano Cotia
Rua Lavapés - Vila São Francisco de Assis, Cotia/SP, 06717-150
Terminal Metropolitano Luiz Bortolosso - 
Rua Quitaúna, Osasco – São Paulo/SP, 06090-010
Terminal Metropolitano CECAP
Confluência das avenidas Monteiro Lobato e Tancredo Neves (Guarulhos)
Terminal Metropolitano Taboão
Avenida Natalia Zarif, s/n, Taboão – Guarulhos/SP
Terminal Metropolitano Vila Galvão
Avenida 7 de setembro (esquina com Rua Cristina)
RMBS
Terminal Tatico
Avenida Valter José Alves, 200 - Praia Grande - SP 11705-020
Terminal Tude Bastos
Avenida dos Trabalhadores, s/n - Sítio do Campo - Praia Grande/SP
Terminal Valongo
Praça Marquês de Monte Alegre, s/n - Valongo, Santos/SP, 11010-260
Estação Barreiros
Entre a Avenida Marechal Cândido M. da Silva Rondon e Avenida Martins Fontes, próximo à praça Dr. Álvaro Assis.
Estação Mascarenhas de Moraes
Avenida Marechal Cândido M. da Silva Rondon, próximo à Rua Monte Plano.
Estação Pinheiro Machado
Rua Dr. Gaspar Ricardo, próximo à Avenida Pinheiro Machado.
Estação Bernardino de Campos
Avenida Francisco Glicério, próximo à Avenida Dr. Bernardino de Campos.
Estação Ana Costa
Avenida Francisco Glicério, próximo à Rua Ana Costa.
Estação Porto
Avenida Conselheiro Rodrigues Alves, próximo à Rua Senador Dantas. 
RMC
Unimed Campinas
Avenida Dr. Moraes Sales, 2790 - Nova Campinas, Campinas/SP
Fone: (19) 3735-7059 / (19) 3735-7738 
Guarani Futebol Clube
Avenida Imperatriz D. Tereza Cristina, 11 - Nova Campinas, Campinas/SP
Fone: (19) 3254-0680 
De Lucca Imóveis
Rua Hermas Braga, 393 – Nova Campinas, Campinas/SP
Fone: (19) 3755-1600
Academia SCM
Avenida Antº Carlos Couto Barros, 994/B – Sousas, Campinas/SP
Fone: (19) 3258-3520 
Condomínio Chácara Prado
Avenida Washington Luiz, 1800 – Jd. nova Europa, Campinas/SP
Fone: (19) 3276-3138 - José Geraldo
Supermercado Paulistão
Rua Dom Aloisio Lorscheider, 225 - Conj. Hab. Padre Anchieta, Campinas/SP
Fone: (19) 3281-1080
Terminal Metropolitano de Americana
Avenida Dr. Antônio Lobo, s/n - Centro, Americana/SP
Terminal Metropolitano Prefeito Magalhães Teixeira
Av. Lix da Cunha, 101 - Bairro Bonfim, Campinas/SP
Terminal Metropolitano Hortolândia
Avenida Santana, s/n - Parque Hortolândia, Hortolândia/SP
Shopping Gramado Mall
Alameda Vidoeiros, 455 – Gramado, Campinas/SP
Fone: (19) 3294-1767
Campinas Clube Semanal de Cultura Artística
Rodovia Heitor Penteado, km 06 – Sousas, Campinas/SP
Fone: (19) 3258-8055 / 3231-8944
Condomínio Estância Paraíso
Avenida Engenheiro Luiz Antonio Laloni, 321 - Bosque das Palmeiras, Campinas/SP
Fone: (19) 3203-2610 / 2645
Casa de Saúde de Campinas
Praça Dr. Toffoli, 28 - Centro, Campinas/SP
Fone: (19) 3736-3466
Rodoterminal de Santa Bárbara D’Oeste
Rodovia SP-306, km23 – Jd. Primavera, Santa Bárbara D´Oeste/SP
Colégio San Conrado – Unidade I
Rua João Leone, 155 - Sousas, Campinas/SP
Fone: (19) 3258-4710
Edifício Trade Tower
Rua Riachuelo, 460 - Centro, Sorocaba/SP
Padaria Riviera
Rua Olavo Bilac, 28 - Cambuí, Campinas/SP
Fone: (19) 3252-5332
RMVPLN
Viação Jacareí?
Rodovia Presidente Dutra, Km 156?-?Limoeiro?-?São José dos Campos/SP
Fonte: EMTU

quinta-feira, 5 de abril de 2018

CARAPICUÍBA: Vereadores querem acabar com dupla função dos motoristas

Foto: Flickr da Câmara Municipal de Carapicuíbs
Portal Região Oeste 
A Câmara de Carapicuíba aprovou em primeira discussão, o projeto de lei de autoria da vereadora professora Cida Carlos (PT) e do vereador Cristovam Braga (PR) que acaba com a dupla função dos motoristas no transporte público da cidade. A matéria prevê que os condutores deixem de dirigir e cobrar a passagem ao mesmo tempo e mantenham os empregos dos cobradores.
A proposta obriga as empresas de transporte coletivo a manter a função de cobrador em todos os veículos, como, por exemplo, ônibus, micro-ônibus e vans em circulação na cidade. A medida vem de encontro à postura de algumas empresas que têm demitido cobradores e atribuído a função também ao motorista. De acordo com os parlamentares, isso prejudica toda a categoria de cobradores e expõe os passageiros a riscos de acidentes.
Fonte: Portal Região Oeste 

terça-feira, 3 de abril de 2018

COTIA: Saiba onde fica a sede da Receita Federal

 Agência da Receita Federal do Brasil em Cotia recebe o contribuinte em novo endereço: Avenida Professor Manoel José Pedroso nº 1326, no Jardim Nomura, no parque Bahia O horário de atendimento ao público permanece o mesmo: das 9h00 às 13h00.  

Resultado de imagem para receita federal
Acesse aqui  Receita Federal 

O endereço fica localizado próximo a Prefeitura de Municipal Cotia .

Você também pode acessa o site da receita federal e obter mais informações e  serviços, fazer seu agendamento
A Receita Federal atende pelo  receitafone 146.

Por: CARLINHOS ANICETO

sexta-feira, 23 de março de 2018

EMTU: Inauguração do CORREDOR ITAPEVI - JANDIRA, ligando Osasco futuramente ao Metrô Butantã

Olá; Galerinha deixo aqui um pouco sobre nossa visita no Corredor Metropolitano -EMTU  
Inauguração do trecho do Corredor Metropolitano Itapevi - Jandira- Osasco, futuro / Metrô Butantã 
O trecho entre Itapevi / Jandira na Grande São Paulo foi inaugurado em 22/03/2018.
O corredor metropolitano, inicialmente, deveria começar a operar em 2014. Após adiamentos e promessas de que ficaria pronto em 2016, agora tem nova data para estar finalizado, com um atraso de aproximadamente cinco anos.
Jandira / Carapicuíba 
O trecho seguinte da obra, entre Jandira e Carapicuíba, teve as intervenções retomadas e está previsto para ficar pronto em 2019. O terminal Vila Yara, em Osasco, por sua vez, começou a ser reformado e ampliado, segundo informações do Governo do Estado.
Nova linha para o corredor
Ainda conforme informações da EMTU, duas linhas metropolitanas começarão a operar no trecho Itapevi – Jandira a partir do dia 2 de abril, com frota de seis veículos e oferta diária de 24 viagens. São elas 420DV1 Osasco (Vila Yara)–Cotia (Terminal Metropolitano Cotia) 833TRO Itapevi (Centro)–Santana de Parnaíba (Polo Empresarial Tamboré via estações CPTM Engenheiro Cardoso e Sagrado Coração).
Ao todo, o Corredor Metropolitano Itapevi – São Paulo terá aproximadamente 24 km de extensão, partindo do Terminal Itapevi, passando por Jandira, Barueri, Carapicuíba e Osasco, até chegar ao Terminal Yara, que fica na Zona Oeste de São Paulo. A previsão da EMTU é que todo o corredor atenda aproximadamente 90 mil pessoas por dia.
Vejam também: 

EMTU: Um pouco sobre o Corredor Metropolitano Itapevi / Butantã

EMTU: Operação de Novas linhas Itapevi -Jandira Corredor Metropolitano Oeste

Uma outra visão nos transportes coletivos de Cotia e Região.



Por: Carlinhos Aniceto - Blogueiro


BRASIL: Senado aprova projeto que destina arrecadação com multas de trânsito para o SUS

Medida seria válida para todo o país. Foto: Cesar Ogata
Lei foi aprovada nesta quarta-feira, para que 30% do valor seja direcionado à saúde pública
O Projeto de Lei do Senado 426/2012 é uma emenda da senadora Marta Suplicy. No texto, está especificado que as verbas geradas pelas multas e destinadas à saúde não serão contabilizadas para o percentual mínimo de investimento.
Desta maneira, o montante representaria apenas um acréscimo aos investimentos obrigatórios na área, por parte da União, dos estados, municípios e do Distrito Federal.
A relatora também propôs rejeitar uma emenda ao PLS 426/2012, que foi aprovada pela Comissão de Assuntos Sociais. O texto previa que os 30% do valor arrecadado com multas de trânsito iria para o Fundo Nacional de Saúde. A modificação havia sido mantida por Marta Suplicy, mas foi rejeitada posteriormente.
A proposta será enviada à Câmara dos Deputados, se não houver recurso para votação da matéria por parte do plenário do Senado.
Fonte: DIÁRIO DO TRANSPORTE por: JESSICA SILVA 

quinta-feira, 22 de março de 2018

GOVERNADOR de SP, entrega trecho do Corredor Metropolitano Itapevi – São Paulo / EMTU

O governador Geraldo Alckmin entregou nesta quinta-feira, 22 de março, um trecho do Corredor Metropolitano Itapevi – São Paulo, na Vila Yara, na Zona Oeste de São Paulo. O empreendimento tem cinco quilômetros de extensão e viário compartilhado.

Obras entre Jandira e Carapicuíba estão previstas para ficar prontas em 2019, segundo Governo do Estado de São Paulo
O trecho seguinte da obra, entre Jandira e Carapicuíba, teve as intervenções retomadas e está previsto para ficar pronto em 2019. O terminal Vila Yara, em Osasco, por sua vez, começou a ser reformado e ampliado, segundo informações do Governo do Estado.
“O empreendimento traz um ganho de mobilidade para os usuários das linhas intermunicipais, além de criar nova alternativa para desafogar o trânsito da região oeste de São Paulo. O investimento é de R$ 47,4 milhões” – informou a EMTU (Empresa Metropolitana de Transportes Urbanos), em nota.
Ao todo, são sete paradas entre os terminais Itapevi e Jandira: Benedito de Abreu, Conjunto Habitacional Engenheiro Cardoso, Ameríndia (junto ao viaduto de mesmo nome já entregue), Antonio C. Fonseca, Rosa Maria, Mariana e Prestes Maia.
Ainda conforme informações da EMTU, duas linhas metropolitanas começarão a operar no trecho Itapevi – Jandira a partir do dia 2 de abril, com frota de seis veículos e oferta diária de 24 viagens. São elas 420DV1 Osasco (Vila Yara)–Cotia (Terminal Metropolitano Cotia) e 833TRO Itapevi (Centro)–Santana de Parnaíba (Polo Empresarial Tamboré via estações CPTM Engenheiro Cardoso e Sagrado Coração).
PASSARELA
Uma passarela em concreto armado com 27 metros de extensão e vão de 7,6 metros será ampliada na linha férrea da CPTM (Companhia Paulista de Trens Metropolitanos), próximo à estação Itapevi (linha 8-Diamante) e ao Samu.
A previsão do Governo do Estado é de que o empreendimento seja entregue ao público em abril. Em maio, na altura da estação Engenheiro Cardoso da CPTM está prevista a entrega de outra passarela, também em concreto armado, com 20 metros de extensão e vão de 8 metros. Ambas as obras terão acesso por escadas e rampas, conforme informado pela EMTU.
JANDIRA E CARAPICUÍBA
O trecho do corredor entre Jandira e Carapicuíba está previsto para ser concluído no segundo semestre de 2019. Conforme informações do Governo do Estado, a obra tem 8,8 quilômetros de extensão e grande parte do sistema viário finalizado, além de obras iniciadas no Terminal Carapicuíba (fundação e estruturas de concreto) e Estação de Transferência Barueri.
Entre as obras previstas no novo contrato estão a estação Barueri, nove paradas e a cobertura do Terminal Carapicuíba. O investimento do governo é de R$ 26,7 milhões.
“Com uma área construída de 9.800 m², a estrutura principal do Terminal Carapicuíba será compartilhada com o terminal municipal administrado pela prefeitura local. Os dois terminais funcionarão em uma única estrutura, servindo aos usuários que procuram o serviço de linhas municipais e metropolitanas. O pavimento térreo comportará as plataformas de embarque e desembarque, prédio administrativo e serviços gerais, enquanto que o andar superior contará com área projetada para exploração comercial”.
TERMINAL VILA YARA
Segundo informações do Governo do Estado, a reforma do Terminal Rodoviário Amador Aguiar, conhecido como Vila Yara, tem como objetivo ampliar a extensão das cinco plataformas dos ônibus e renovar o centro comercial do primeiro pavimento.
As obras vão atender às normas de acessibilidade para pessoas com deficiência ou mobilidade reduzida nos espaços, equipamentos e instalações, conforme informado pelo governo. O terminal está localizado no trecho Osasco Km 21–Vila Yara.
No térreo ficarão as plataformas de embarque para passageiros, bilheterias, sanitários e edificações anexas ao conjunto: guaritas de controle de acesso de veículos, gerador de energia e local fechado para armazenamento de lixo.
No centro comercial existente no pavimento superior serão feitas obras como troca da cobertura e dos pisos das áreas comuns e reforma dos sanitários públicos. As lanchonetes, lojas, quiosques e a área reservada para alimentação serão mantidos.
O pavimento superior também terá uma nova praça com jardins, onde haverá bicicletário, playground e equipamentos de ginástica ao ar livre. No local também funcionarão espaços de apoio, como sala de administração, sala para empresas, sala de reuniões, refeitório, vestiários e sanitários para funcionários, segundo informações do Governo do Estado.
O acesso ao pavimento superior será feito internamente, por meio de escada fixa. A EMTU informou que um novo elevador será construído, para funcionar junto com o que já existe no local.
Para as obras do terminal, o investimento é de R$ 24,8 milhões e o prazo de execução é de 14 meses.
Atualmente,  17 linhas metropolitanas operam no terminal, atendendo os municípios de Carapicuíba, Pirapora de Bom Jesus, Santana de Parnaíba, Cotia, Barueri e Itapevi.
OUTROS TRECHOS DO CORREDOR
Ao todo, o Corredor Metropolitano Itapevi – São Paulo terá aproximadamente 24 km de extensão, partindo do Terminal Itapevi, passando por Jandira, Barueri, Carapicuíba e Osasco, até chegar ao Terminal Yara, que fica na Zona Oeste de São Paulo. A previsão da EMTU é que todo o corredor atenda aproximadamente 90 mil pessoas por dia.
“O terceiro trecho do corredor, entre Carapicuíba e o Terminal Luiz Bortolosso (Osasco km 21), terá 2,2 km de extensão, duas estações de embarque, um terminal, um viaduto em Carapicuíba e alças de acesso. Já foram concluídos 65% do sistema viário. Uma nova licitação para conclusão das obras está em fase final. Em agosto do ano passado foi entregue o Terminal Luiz Bortolosso” – informou a EMTU, em nota.
“O quarto trecho, entre os terminais Luiz Bortolosso e Vila Yara, com 7,6 km de extensão, um terminal de integração na Vila Yara e dez estações de embarque, já teve os projetos básico e executivo concluídos e licença prévia ambiental emitida”.
Fonte: DIÁRIO DO TRANSPORTE por: JESSICA SILVA 

EMTU: Operação de Novas linhas Itapevi -Jandira Corredor Metropolitano Oeste

A EMTU ( Empresa Metropolitana de Transporte Urbano) , ira colocar apartir do dia 02/04/2018 duas linhas em operações no Corredor Oeste recém inaugurado pelo Governo de São Paulo.
As Linhas iniciam operação no : 420DV1 -Osasco (Vl. Yara)-Cotia (T. Metrop. Cotia) via Estações CPTM Engenheiro Cardoso e Sagrado Coração e 833TRO -Itapevi (Centro) -Santana de Parnaíba (Polo Empresarial Tamboré) via Estações CPTM Engenheiro Cardoso e Sagrado Coração


Conheçam os horarios e itinerários destas linhas


Vejam também:

EMTU: Um pouco sobre o Corredor Metropolitano Itapevi / Butantã


Fonte: EMTU